Ex-São Paulo, lateral-direito Régis tenta retomar a carreira no CSA

A maior aposta do CSA na temporada é o lateral-direito Régis. Ele estava sem clube, depois de ser dispensado pelo São Paulo, e tenta dar um novo rumo à carreira.

O jogador admitiu no ano passado ter problemas com drogas e vem sendo observado de perto pela diretoria e a comissão técnica do clube alagoano.

Futebol, ele tem. Tanto que vem chamando atenção nos treinos da pré-temporada. Vai pra cima, tem velocidade, trabalha bem com as duas pernas. O GloboEsporte.com acompanhou os treinos do CSA e observou que ele está bem fisicamente.

Régis, lateral do CSA — Foto: Morgana Oliveira, ASCOM CSA

Régis, de 29 anos, vai disputar um lugar na equipe com Celsinho, um dos destaques do time no ano passado, e Joazi, contratado recentemente junto ao Náutico.

Eles estão trabalhando na pré-temporada, em Palmeira dos Índios, e a tendência é que Celso seja o titular no início do ano, até como prêmio pelo trabalho em 2018.

Régis também terá chance de mostrar serviço. Ano passado, o lateral defendeu o São Bento e o São Paulo. Jogou 11 partidas no time de Sorocaba e 15 pelo Tricolor. Marcou um gol.

Blindado

A direção do CSA adotou uma tática com Régis parecida com a que usou com o atacante Walter, no ano passsado. Ele ainda não deu entrevistas em Alagoas e tem pouca exposição. O lateral se apresentou ao clube na semana passada sem holofotes.

Testando…

Sábado, o técnico Marcelo Cabo vai começar a observar os jogadores do CSA no amistoso contra o Central. O jogo, marcado para o Rei Pelé, vai ser um teste para a estreia no Nordestão, marcada para terça-feira, contra o Vitória, também no Trapichão.

Fonte: Globoesporte

Fechar Menu