ASA empata no fim, mas Boquita marca no último lance e põe CSA na final

(Crédito: Pei Fon / Portal TNH1)

O CSA é o primeiro finalista do Campeonato Alagoano. Em jogo emocionante na tarde desta sábado (24), no Estádio Rei Pelé, o Azulão bateu o Alvinegro por 2 a 1 e carimbou a classificação no último lance. Caíque marcou gol contra aos 27′ do segundo tempo, Jean Carlos empatou aos 47′ e Boquita fez o gol salvador aos 51′. O jogo valeu pela semifinal do Estadual.

Classificado para a finalíssima, o Azulão agora o vencedor do confronto entre CRB e Coruripe, que disputam a outra semifinal neste domingo (25), às 16h, no Trapichão.

Blitz azulina

A chuva contínua que caiu no Trapichão não esfriou o CSA, que deu um tremendo calor no ASA. Em menos de 13 minutos, o goleiro Dida já tinha feito três boas defesas em chutes de Didira, Echeverría e Rafinha. Com as peças avançadas, o Azulão encurralou o Alvinegro e buscou o gol a todo custo. A primeira chegada dos visitantes só aconteceu aos 17′, quando Piauí finalizou rasteiro e Cajuru pegou em dois tempos.

Aos 25′, Lennon subiu pela direita e achou Didira na área. O meia limpou a marcação e bateu para fora. Logo depois, o camisa 19 voltou a finalizar, desta vez no gol, para defesa de Dida. O ASA atacou aos 38′. Juliano investiu pela esquerda, buscou o chute cruzado e Cajuru tirou com a mão. Aos 40′, Didira cruzou, a defensiva alvinegra falhou, Josimar completou e Dida se esticou todo para evitar o gol. Echeverría pegou a sobra, tentou o chute, a bola ficou viva na altura do pênalti e Daniel Costa concluiu para fora. Nos acréscimos, Didira ainda costurou pela direita, invadiu a área e carimbou o travessão.

Final emocionante!

Pressionado pelo resultado, o CSA retornou do intevalo tomando susto. Aos 7’Isaías chutou e Leandro Souza tirou. No lance seguinte, Lennon cruzou, Josimar dominou, bateu e Dida fez grande defesa. Aos 11′, Daniel Costa cobrou escanteio, Didira apareceu sozinho na segunda trave, mas cabeceou errado e perdeu boa chance. O Azulão seguiu pressionando. Aos 18′, Echeverría encheu o pé de fora e Dida espalmou.

De tanto desperdiçar oportunidades, o CSA encontrou o gol nos pés do adversário. Daniel Costa bateu falta, Leandro Souza cabeceou para o meio, a bola bateu no zagueiro Caíque, do ASA, e entrou. O gol botou fogo no jogo. Aos 30′, Josimar fez linda jogada, driblou dois marcadores, passou pelo zagueiro, mas concluiu rasteiro e Cal apareceu para salvar o Fantasma.

Marcelo Cabo recuou o Azulão para segurar o resultado e o ASA foi para cima. Aos 38′, Rômulo perdeu grande oportunidade. Mas aos 47′, Jean Carlos incendiou a decisão. O camisa 21 partiu para cima, invadiu a área e finalizou. Cajuru defendeu parcialmente, a bola subiu e Jean marcou de cabeça. Em êxtase com o empate, o ASA se fechou.

Praticamente não tinha mais tempo. Diante de um Rei Pelé incrédulo, Dida fez um milagre aos 50′ em duas finalizações dos atacantes marujos. Mas no último lance, a bola ficou viva na entrada da área, Boquita soltou uma pancada, a bola desviou e morreu no fundo das redes, para o delírio dos azulinos e a decepção dos alvinegros. Em um fim de jogo histórico, o CSA venceu o ASA e se classificou para a final do Campeonato Alagoano 2018.

Ficha técnica

CSA

12- Cajuru
2- Lennon
3- Leandro Souza
4- Xandão
6- Rafinha
5- Yuri
8- Boquita
17- Echeverría (20- Taiberson, aos 18′ do 2º tempo)
10- Daniel Costa (16- Dawhan, aos 31′ do 2º tempo)
19- Didira (13- Celsinho, aos 36′ do 2º tempo)
9- Josimar

Técnico: Marcelo Cabo

Banco: 31- Mota, 13- Celsinho, 14- Paulinho, 15- Rodrigo Lobão, 16- Dawhan, 18- Caíque, 20- Taiberson, 21- Yago e 22- Giva.

ASA

1-Dida
2- Chiquinho Alagoano
3- Caíque
4- Lucas Bahia
6- Lucas Piauí
5- Cal
8- Luiz Gustavo (18- Wesley, aos 36′ do 2º tempo)
7- Juliano (20- Isaías, no intervalo)
10- André Beleza
11- Caaporã (21- Jean Carlos, aos 23′ do 2º tempo)
9- Rômulo

Técnico: Jaelson Marcelino

Banco: 12- Renan, 13- Leandro Valentim, 14- André Nunes, 15- Marcos Arthur, 16- Coutinho, 17- Cleidson Pink, 18- Wesley, 19- Gilmário, 20- Isaías, 21- Jean Carlos e 22- Felipe Araújo.

Gols

CSA: Caíque (gol contra, aos 27′ do 2º tempo).

ASA: Jean Carlos (47′ do 2º tempo).

Cartão amarelo

CSA: Yuri, Lennon, Josimar.

ASA: Juliano, Caíque, Jean Carlos.

Arbitragem

Árbitro: Wagner Reway (FIFA/MT);

Auxiliar 1: Alessandro Alvaro R. Matos (CBF/BA);

Auxiliar 2: Bruno Broschilla (FIFA/PR);

4º árbitro: Regildenia de Holanda Moura (FIFA/SP).

 

Fonte: Tnh1

COMPARTILHE