Cabo vê CSA superior e absolve goleiro Mota pela derrota no clássico: “Não é vilão”

Marcelo Cabo lamentou a derrota no clássico, mas gostou do desempenho do CSA em campo (Foto: Ailton Cruz / Gazeta de Alagoas)

A explicação do técnico Marcelo Cabo para a derrota por 1 a 0 para o CRB foi simples: o CSA foi superior, mas não traduziu o volume de jogo em gol. Com os números da partida decorados, o treinador logo tratou de mostrar a superioridade do seu time no clássico. Ele não escondeu a decepção pelo resultado, mas defendeu o goleiro Mota, que falhou no gol, e enalteceu o comportamento da equipe.

– Foi o detalhe de um gol que nós sofremos numa infelicidade do Mota, mas não traduz o que foi o jogo. Saio chateado pelo resultado, mas muito satisfeito pelo que a minha equipe produziu. É só olhar os números: posse de bola 60 x 40, escanteios foram nove a nosso favor e zero para o CRB, finalizações foram 20 contra quatro. Então, nosso time finalizou bastante, mas infelizmente não conseguimos traduzir em gol. Lamento muito a derrota, mas eu gostei pelo desempenho da equipe – observou.

Marcelo Cabo também saiu em defesa do goleiro Mota. O treinador tirou qualquer culpa do jogador pela derrota deste domingo.

– No CSA perde todo mundo e ganha todo mundo. O Mota não é vilão e não é culpado de nada. É um ato falho. Eu também posso substituir errado e o time pode perder. Isso é normal. O Mota tem minha confiança, tem meu apoio… Eu falo e reitero: o Mota tem minha confiança.

Para o treinador, a superioridade do CSA em campo fez do goleiro João Carlos, do CRB, o principal jogador do clássico.

– Na minha opinião o protagonista do jogo foi o João Carlos (goleiro do CRB). Ele fez duas, três, quatro grandes defesas, esfriou o jogo. O João é um grande goleiro e, pra mim, ele foi o protagonista do jogo e interrompeu as nossas ações de gol. Nós finalizamos, mas infelizmente não conseguimos traduzir em gol.

Com 14 pontos, o CSA é o segundo colocado do estadual. Na quarta-feira, às 21h45, o Azulão enfrenta o Coruripe, no Estádio Rei Pelé. A rodada do meio de semana fecha a fase de classificação do Campeonato Alagoano.

Fonte: Globoesporte

COMPARTILHE
Fechar Menu