CRB perde a quarta seguida, e o técnico Léo Condé entrega o cargo

Léo Condé deixou o Galo depois da derrota para o Vila Nova (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)

Léo Condé não é mais técnico do CRB. A direção regatiana confirmou a saída do treinador após a derrota para o Vila Nova por 2 a 1, na noite desta terça-feira, pela sétima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Foi o quarto resultado negativo em sequência do Galo.

Na entrevista, ainda no vestiário, o presidente Marcos Barbosa disse que Léo Condé entregou o cargo e a diretoria aceitou. Jean Carlos, técnico do sub-20, vai comandar a equipe até a chegada do novo treinador. No sábado, o time regatiano recebe o Londrina, no Estádio Rei Pelé. Ainda segundo o dirigente, a expectativa é ter o novo comandante em Maceió já para acompanhar o próximo duelo.

O favorito para assumir o cargo é Mazola Júnior, que deixou o CRB em 2016. O mandatário regatiano elogiou Mazola, dizendo que foi um dos melhores técnicos que já passou pelo Galo. O presidente falou ainda que o clube pretende contratar um zagueiro, dois volantes e um meia. Ele não descartou saída de jogadores.

Léo Condé foi confirmado no CRB no dia 30 de novembro de 2016. Foi campeão alagoano, mas acabou sendo eliminado nas primeiras fases da Copa do Nordeste e Copa do Brasil. Condé comandou o Regatas em 33 partidas. Foram 16 vitórias, dez empates e sete derrotas, com o time fazendo 40 gols e sofrendo 23. Ele deixa o clube com aproveitamento de 58,59%.

Como mandante, foram 17 partidas. Ganhou 13, dois empates e duas derrotas, aproveitamento de 80,4%. Nas partidas como visitante, conquistou apenas três vitórias, empatou oito vezes e foi derrotado em cinco oportunidades.

Fonte: Globoesporte

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA